domingo, 31 de agosto de 2008

Postura e jogos olímpicos

Não falamos quase nada de olimpíada por aqui e nem queremos. Não vamos falar mal de atleta, nem desdenhar dos resultados, nessa síndrome de vira-latas que assola o país em época de jogos olímpicos. Isso é desrespeito, não é engraçado nem acrescenta absolutamente nada.

Já demos um cutucão nos patriotas de plantão, no post anterior, e é mais que o suficiente. Haja carapuça!

Vamos falar de olimpíadas e televisão. Retomando um assunto que já tratamos aqui.

É o seguinte: a TV Record passou a perna em todas as concorrentes e adquiriu os direitos do Pan de 2011, da olimpíada de inverno de 2010 e da olimpíada de 2012. E fez o maior escarcéu. Isso todo mundo já sabe.

Todo mundo já ouviu também que a Globo e a Bandeirantes (não gosto do apelido "Band") vão ficar de fora, pois não há interesse da nova emissora oficial em dividir o bolo com ninguém, principalmente com quem tem know how e tradição nesse tipo de transmissão. Possuir os direitos de transmissão e dividir com eles é tiro no pé.

Basta lembrar a Copa de 1998. Globo, Record, Bandeirantes, SBT e Manchete transmitiram jogos. Globo e Bandeirantes lideraram; SBT fez seu papel, assim como a Manchete (que não teve o retorno em audiência e faturamento esperado para o investimento, o que só agravou a crise que fechou a emissora em 1999) e a Record (que precisou subir em telhados e narrar jogos de varandas, pois não tinham autorização para entrar nos estádios).

Que a Record compre o que quiser. É o livre mercado, oras.

Só que quando a Globo possuía os direitos, a Record dizia que era monopólio. Agora, quando ela é quem possui, chama de exclusividade...

Vejo aí um problema de postura.

Curioso, em se tratando de uma empresa controlada por religiosos de doutrina cristã.

quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Patriotários

O Daniel já falou disso aqui antes, em A Civilidade e o Futebol, mas ontem a situação foi muito mais grave.

Jogaram São Paulo e Atlético Paranaense em mais uma rodada mata-mata da Copa Sul-Americana. Noite fria, Morumbi vazio. Como exigência de uma tal lei estadual, é executado o Hino Nacional pelo sistema de som do estádio. Perfilado apenas o trio de arbitragem. E os jogadores? Os do Atlético, batem bola no campo, num breve aquecimento para a partida. Os do São Paulo nem tinham entrado em campo. Muito constrangimento no ar, nas arquibancadas e pela televisão. No público, havia quem acompanhasse de pé, cantando, e os que permaneciam sentados, conversando.

Terminada a vergonhosa execução do Hino, o São Paulo entra em campo. Na Globo, Cléber Machado lamenta o acontecido e diz que a questão do Hino antes das partidas "tem de ser repensada". Mudo para a Bandeirantes. Lá, Neto e Oscar Roberto Godói indignados, apesar de não terem diploma, como quer o colega Luciano do Valle, opinam de forma contundente. Dizem que foi um desrespeito à Nação, à torcida e ao pessoal da imprensa, que não pôde tirar fotos ou fazer filmagens como normalmente faz, aproveitando os jogadores enfileirados.

Um péssimo exemplo para um País que quer sediar uma olimpíada e vai sediar uma Copa do Mundo. Nada pior do que patriotas de ocasião, que nada fazem, nem se prontificam a ficar de pé para ouvir o Hino, e depois vêm cobrar resultados do esforço individual dos atletas brasileiros. Nada pior do que essa "formação de civilidade" dos jogadores, em campo. Se tratam as coisas pátrias assim, isso pode ajudar a entender porque vão tão mal quando jogam na Seleção, com aquela cara de "tô nem aí".

Vergonha não é ir à Pequim e voltar com algumas medalhas, frustrando os ufanistas. Vergonha é isso que passou na televisão ontem.

terça-feira, 26 de agosto de 2008

Ruminante, rumo certo

Mais um motivo para dizer que o homem não é a coisa mais perfeita da face da Terra, o magnânime, o mais-mais. Os animais são capazes de coisas que nós nem sonhamos. Veja só a notícia de capa do UOL e da Folha On Line de hoje: Vaca se orienta pelo campo magnético da Terra, diz estudo

Não é do meu feitio, mas vou me valer do poder do control-c-control-v e destacar um trechinho da reportagem:

De acordo com os cientistas, que analisaram fotos de satélite de milhares de bovinos ao redor do mundo e também fizeram estudos de campo, parece que o gado sabe como encontrar o norte e o sul.

A maior parte dos animais observados que pastava ou descansava tendia a alinhar os seus corpos em uma direção norte-sul, afirmou o estudo, conduzido por Hynek Burda e Sabine Begall, da Faculdade de Biologia na Universidade de Duisburg-Essen, na Alemanha.





Vaquinhas são animais simpáticos.

Já li certa vez algo a respeito de descobertas científicas malucas, era uma premiação satírica, o Prêmio Ignobel. Esse pode ser um bom candidato, embora, por trás de tanta estranheza deva haver um bom propósito científico, ou de relevância humanitária.

Pelo menos é o que espero.

sábado, 23 de agosto de 2008

Rebelde sem causa

Saiu no Ego, do Globo.com: Fãs do RBD organizam manifestação na Avenida Paulista, contra o fim do grupo. Tem fotos e tudo, aconteceu hoje, deve ter gente por lá ainda.

Sem preconceitos, esse caso do Rebelde / RBD é um fenômeno que precisa ser estudado. É algo mais impressionante que o sucesso do Menudo, nos anos 80, mas que provocou muito mais ojeriza dos não-fãs do que o grupo porto-riquenho que não se reprimia, que veio pela primeira vez ao Brasil para o Viva a Noite do Gugu e fazia shows à tarde em estádios de futebol lotados (nos quais duas pessoas morreram sufocadas, assim como aconteceu num show do RBD no Brasil, em que três fãs morreram pisoteados...). Para que todos entendam, Rebelde é o nome de uma novela mexicana; RBD, da banda formada com os personagens/atores da novela.

Como explicar tanta idolatria? Bem, é coisa normal da juventude, claro. Creio que faltem referências de ídolos e exemplos a serem seguidos. Jogadores de futebol, cantores, artistas, etc... as safras que temos atualmente são muito pobres, não necessariamente em talento, mas em empatia, em identificação com o público, e nem o fortíssimo marketing ajuda. Note bem que estou generalizando, não é bem assim, eu sei, mas para a reflexão que faço é o quanto basta. Pois bem. Além disso, a pulverização de opções, tribos, etc. não permite grandes estouros que se transformem em unanimidades nacionais. Mas acontecem alguns, como o do RBD. Dentro desse quadro, podemos notar a grande força da televisão, bem delineada, pela novela Rebelde, da Televisa, exibida pelo SBT em horários noturnos ingratos, e num período em que a emissora patinava numa crise financeira, de criatividade, de audiência, de credibilidade e de tudo o mais.

Daí, o sucesso não se mediu só nos Ibopes do SBT, que não eram tão altos assim, mas se refletiu nos lugares em que o público se manifestava, livre, na internet, em blogs, comunidades no Orkut e, nas ruas, com uma profusão de pessoas de cabelo, gravata e suspensório vermelho.

Quando a novela acabou e saiu do ar, passaram a entupir os e-mails do SBT pedindo a volta, e até tumultuando no Orkut, incomodando mais do que os fanáticos por Chaves e Chapolin, que souberam se organizar e difundir a cultura chavesmaníaca em festivais, encontros e afins, seguindo o exemplo dos apreciadores de animês, mangás, tokusatsus e cosplayers e toda uma tribo de descendentes de orientais esquisitões e brasileiros "japa wanna-be".

A passeata serve para demonstrar que alguma organização os fãs de RBD conseguiram. Se alguém os ouvirá é outra história.

Só sei que, há uns 15 anos ou mais, pessoas nessa idade estavam empenhadas em outro tipo de protesto, no mesmo local da Avenida Paulista. Também vestiam preto. Só que queriam que o Presidente da República deixasse o poder.

Digo isso sem maldade nenhuma. Se terminasse o texto aqui, poderiam pensar isso.

Talvez também muita gente quisesse se mobilizar naqueles tempos difíceis de Collor contra o fim do New Kids on The Block ou do Polegar, sei lá... ou contra o fim do Xou da Xuxa... mas naquele tempo nada disso era possível. Hoje, sem preocupações extras como lutar pelo fim da ditadura, pelas eleições diretas, pela deposição de um presidente etc., e com o poder instantâneo da internet, as coisas ficaram facilitadas.

Além disso, cada geração tem as preocupações que lhes cabem. Isso é o que realmente importa.

Se estamos melhor ou pior hoje, você é quem sabe.

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

Ibope dos Transcendentes II

Levantamento de dados entre o início do blog até 20 de agosto de 2008, pelo Google Analytics:

BLOG TRANSCENDENTES
4.319 visitas, 6.376 page views

Os 5 Posts mais acessados (em número de page views):
1. Adeus, Flecha: a morte do rei da estrada 1.165
2. Desaparecido: Milkybar 987
3. Nestlé confirma: Milkybar acabou! 431
4. Mais uma que vai: Scalla FM 175
5. Celebridades instantâneas 132

As 5 Palavras-Chave mais utilizadas em mecanismos de busca:
1. scalla fm 79
2. assim caminha a humanidade 33
3. transcendentes calypso 25
4. o que é ser brega 11
5. milkybar 9

Os 5 principais sites de referência (em número de visitantes):
1. Blog do Flávio Gomes 811
2. Ueba 571
3. Orkut 365
4. Blog O Baú do Silvio 79
5. Músicas Infantis anos 80 61

Os 5 países que mais visitaram o Transcendentes:
1. Brasil 4.084
2. EUA 55
3. Portugal 41
4. Japão 35
5. Argentina 16

As 5 Cidades que mais visitaram o Transcendentes:
1. São Paulo 1.444
2. Rio de Janeiro 310
3. Belo Horizonte 246
4. Curitiba 84
5. São Caetano Do Sul 80

Comparando este levantamento com o último, datado de dois meses atrás, vemos um enorme crescimento na "popularidade" dos três blogs. A citação a um texto nosso, falando dos ônibus da Viação Cometa, pelo jornalista Flávio Gomes, em seu blog sobre automóveis e automobilismo gerou uma quantidade de visitas bastante expressiva ao Transcendentes, além de republicação do nosso texto no site Maxicar. O mesmo texto recebeu 16 comentários, número recorde em nosso humilde blog, que bombou, por vários dias. Pena que o assunto tratado nesse texto era tão triste...
Pessoas de 31 países diferentes visitaram os Transcendentes. Dentre eles, Grécia, Tanzânia, Timor Leste, Polônia e Finlândia!

----------


BLOG BAÚ DO SILVIO
9.042 visitas, 18.694 page views


Os 5 Posts mais acessados (em número de page views):
1. Trilhas sonoras de programas do SBT 1.256
2. Da TV para sua casa 1.250
3. O Microfone do Silvio Santos - parte 1 883
4. As Vinhetas do SBT 501
5. O Microfone do Silvio Santos - parte 2 429

As 5 Palavras-Chave mais utilizadas em mecanismos de busca:
1. obaudosilvio 118
2. bau do silvio 40
3. o bau do silvio 40
4. md 405s 35
5. microfone do silvio santos 32

Os 5 principais sites de referência (em número de visitantes):
1. Ueba 1.261
2. Orkut 467
3. Google Imagens 257
4. Blog MofoTV 207
5. Blog Transcendentes 173

Os 5 países que mais visitaram o Baú do Silvio:
1. Brasil 8.667
2. Portugal 92
3. Japão 81
4. EUA 79
5. Reino Unido 18

As 5 Cidades que mais visitaram o Baú do Silvio:
1. São Paulo 1.979
2. Rio de Janeiro 860
3. Belo Horizonte 464
4. Porto Alegre 231
5. Curitiba 212

O site Ueba publicou por algumas vezes links nossos, gerando boa visitação ao Baú do Silvio, que, na medição do HiStats já atingiu a marca de 10.000 visitas e 20.000 page views, sendo nosso blog mais conhecido na web. E pensar que, dois meses atrás, eram 11.000 page views...
Além disso, desde julho, o conteúdo do Baú do Silvio também é publicado domingo sim, domingo não, no site TeleHistória, um dos melhores sites sobre televisão que há.
O Baú do Silvio foi visitado por internautas de 38 países, dentre eles Guiana Francesa, Turquia, Angola, Eslováquia, Liechtenstein, Honduras, Moçambique, Coréia do Sul, Nova Zelândia e Hong Kong! E, do Brasil, 247 cidades clicaram por lá!

----------



BLOG LETRAS DO TREM
2.489 visitas, 5.988 page views

Os 5 Posts mais acessados (em número de page views):
1. 1984 - Patrícia & Luciano: Clube da Criança 302
2. 1985 - Trem da Alegria 289
3. UNI DUNI TÊ 279
4. 1986 - Trem da Alegria 254
5. É DE CHOCOLATE 204

As 5 Palavras-Chave mais utilizadas em mecanismos de busca:
1. discografia trem da alegria 53
2. trem da alegria discografia 53
3. "músicas do trem da alegria" 14
5. discografia do trem da alegria 11
6. trem da alegria 11

Os 5 principais sites de referência (em número de visitantes):
1. Orkut 355
2. Músicas Infantis anos 80 145
3. Blog Baú do Silvio 101
4. Blog Transcendentes 76
5. Google imagens 54
8. Blogger Xuper 24

Os 5 países que mais visitaram Letras do Trem:

1. Brasil 2.387
2. Portugal 26
3. EUA 22
4. Japão 18
5. Argentina 9

As 5 cidades que mais visitaram Letras do Trem:
1. Sao Paulo 584
2. Rio de Janeiro 301
3. Belo Horizonte 133
4. Fortaleza 69
5. Brasilia 62

Mais uma vez percebe-se que o blog Letras do Trem tem um público um tanto diferente, pois boa parte de seus visitantes é do Nordeste do País, distante do Centro-Sul verificado nos nossos outros blogs. E gente de Filipinas, Suíça, Rússia e Holanda também visitou o blog!

----------

No mais, a parceria com outros blogs e sites também se mostra bastante frutífera, com grande quantidade de visitantes vindos do site Música Infantil anos 80 (de Vinícius "Jamie Lawson"), do Blog MofoTV (de José Marques Neto) e do Blogger Xuper (de Renan Bressan). Também verificamos que a divulgação dos nossos blogs, uns pelos outros, está satisfatória.

Obrigado pela sua visita! Vamos levar nossos blogs em frente!

terça-feira, 12 de agosto de 2008

Não Sei!

Já estamos chegando ao meio do mês de agosto e o blog ainda estava passando em branco neste mês. Eu e o Daniel, meu sócio, estamos enrolados com a tese de láurea (nome garboso dado ao trabalho de conclusão de curso - TCC pela Faculdade de Direito), além de outras coisas que a vida do mundo real e não a da virtualidade internética nos traz para resolver.

Eu confesso que tenho vários assuntos para tratar. Quero falar sobre o homem vestido de galinha, tenho várias fotos desse traje bizarro que achei na internet, quero escrever mais sobre música, televisão, ônibus, coisas esdrúxulas, brega, kitsch... também falar das amizades virtuais que fiz ao longo desses ainda poucos meses de blogagem e do contentamento de ver amigos novos e velhos também postando suas picuinhas e vicissitudes, derramando talento literário na internet.

Isso sem falar na medição de audiência do blog, que explodiu com o post sobre o fim do ônibus Flecha Azul da Viação Cometa S.A., fato noticiado na comunidade da empresa no Orkut e que divulguei em primeira mão para todo o público internético. O Transcendentes repercutiu e muito nesse último mês, aparecemos no blog do Flávio Gomes e no site Maxicar.

Também consegui entrar em contato com Jefferson Pinas, músico de Maringá, atualmente com 38 anos, que, 25 anos atrás, venceu o 1º Festival Internacional da Criança, organizado pelo SBT! Pretendo entrevistá-lo para este blog, para os saudosistas de plantão.

Já nosso outro blog, o Letras do Trem, recebeu a visita do ex-integrante do Trem da Alegria, Luciano Nassyn, que deixou um simpático comentário agradecendo o resgate histórico do maior grupo infantil pop-rock da história da música brasileira.

E por que eu não posto logo de uma vez sobre qualquer um desses assuntos? Não sei! Não falta entusiasmo, não falta vontade. Mas sairá alguma coisa em breve, em breve mesmo! Podem esperar.

Talvez você se interesse por:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...